27/07/2017

Resenha: Coraline

Título: Coraline
Autor: Neil Gaiman
Editora: Rocco Jovens Leitores
ISBN: 9788532516268
Ano: 2003
Páginas: 155
Compre: Aqui

Sinopse:

Em uma tarde chuvosa, a menina consegue abrir uma porta que sempre estivera trancada na sala de visitas de casa e descobre um caminho para um misterioso apartamento ‘vazio’ no quarto andar do prédio. Para sua surpresa, o apartamento não tem nada de desabitado, e ela fica cara a cara com duas criaturas que afirmam ser seus “outros” pais. Na verdade, aquele parece ser um “outro” mundo mágico atrás da porta. Lá, há brinquedos incríveis e vizinhos que nunca falam seu nome errado. Porém a menina logo percebe que aquele mundo é tão mortal quanto encantador e que terá de usar toda a sua inteligência para derrotar seus adversários.

Resenha:

Coraline é uma criança muito ativa e adora fazer explorações. Agora que mora em uma nova casa, ela faz das suas atividades exploratórias um padrão. Entretanto, em um dia chuvoso, nossa protagonista fica sem muitas opções de atividades, o que a deixa inquieta. Na ânsia de fazer algo divertido e também que desperte a sua curiosidade, Coraline começa a explorar dentro da sua própria casa. O que ela nem imaginava, porém, é que em sua residência haveria uma passagem para uma aventura sem precedentes.

Na exploração, a personagem principal encontra uma porta que não dá para lugar algum; atrás há apenas uma parede, impedindo a passagem. Entretanto, isso não a impede de imaginar o que pode haver por trás. Sua curiosidade acaba por ser premiada quando, de repente, ao reabrir a porta, encontra um caminho. Como para quem não sabe para onde vai – e também para quem tem curiosidade – qualquer caminho serve, ela embarca na aventura da sua vida.

Coraline encontra um mundo mágico, apesar de bem parecido com o seu. Do outro lado da porta sem passagem, ela tem um outro pai e uma outra mãe – que são versões alternativas dos originais. Ela vive, também, na mesma casa, apesar de ser bem diferente da verdadeira. Seus vizinhos já não erram seu nome e até os animais falam. Entretanto, nem tudo lá é belo e bondoso. Haverá desafios também. Quais? Como vencê-los? Para conhecer, você terá que desbravar essa obra.


Partindo dessa premissa, Neil Gaiman cria uma história fantástica – com o perdão do trocadilho. A forma como ele constrói os cenários, as situações, as interações entre os personagens: tudo é incrivelmente profundo e bem trabalhado. Apesar de ser um livro infantil, é uma obra que vai encantar a todos os públicos, visto que, diferente de muitos livros do gênero, este não trata os leitores mirins como incapazes de compreender metáforas ou referências mais profundas.

Gaiman também se sai muito bem quando o assunto são as referências, construções filosóficas e psicológicas. Em relação às primeiras, percebe-se influências claras de diversos autores, seja na lógica da obra ou no tom; dentre essas, a mais forte é a intertextualidade de Coraline com Alice no País das Maravilhas. As protagonistas das duas obras teriam muito a conversar, principalmente sobre os aspectos filosóficos. Nossa protagonista, assim como Alice, perceberá que certas escolhas são mais decisivas do que parecem e podem mudar sua vida para sempre.

Ademais, o livro traz uma importante contribuição para os pequenos, visto que aborda o relacionamento familiar, o amor, o carinho e as escolhas que os pais fazem, visando ao bem dos filhos, mas que nem sempre são o que os pequenos esperam. É possível perceber, além disso, que nem sempre o que parece perfeito o é; que os mundos mágicos também machucam e que devemos ter cuidado com o que desejamos.


Além do excelente enredo, o livro também ganha o leitor pela parte física. A obra conta com uma capa encantadora, com ilustrações belíssimas e com um projeto gráfico incrível; tudo é pensado para que a obra ofereça uma experiência maravilhosa. Ademais, temos uma obra tradução e revisão, como já é típico do selo Rocco Jovens Leitores.

Em suma, Coraline, mesmo sendo um livro de crianças, agradará a todos os públicos; mesmo sendo um terror, encantará; mesmo sendo ficção, ensinará lições valiosas. A você resta apenas ler e mergulhar nessa ótima obra.  

Outras fotos:




Comentários
17 Comentários

17 comentários:

  1. Não conhecia livro de terror voltado para o público infantil; achei bacana a ideia do autor, até porque acaba sendo para todos as idades dando a possibilidade das crianças conhecerem um gênero diferente do que é sempre mostrado pra eles.
    Em relação a resenha: Se tratando de uma pessoa curiosa como eu, fiquei bastante interessada em saber como é do outro lado (mas aí entra aquela questão: É terror, eu tenho medo), ainda mais um lado semelhante ao outro; mas que com certeza tem algum aspecto que diferencia. Imagino que não há vida do outro lado... Sombrio.
    A resenha foi ótima, deu pra imaginar bem como é o livro e desperta o interesse até de quem não curte o gênero.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. esse eu quero muito ler. amei o filme. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Tenho uma irma de nove anos que e apaixonada pelo filme da Coraline, e por isto quando soube que tinha o livro logo fiquei super feliz e entusiasmada, para poder adquiri-lo. Depois que comecei a fazer graduação em psicologia, comecei a entender o processo de muitos escritores de modo geral escrever este tipo de estória lúdica para crianças. E uma maneira de trabalhar muitas questões, sem precisar dizer de maneira clara e objetiva, como a questão da imposição dos relacionamentos familiares, entre outros. Sou apaixonada por estas estória, e quero muito poder trabalha isto com crianças de maneira didática.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Hey Marcos, gostei mto de conhecer o livro, eu sou apaixonada pelo filme, não li nenhum livro ainda mas espero ler em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Marcos!
    Eu só assisti a adaptação de Coraline, mas tenho muita vontade de ler o livro.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Sorteio de Férias: cinco livros, um ganhador!

    ResponderExcluir
  6. Eu não entendo porquê ainda não li este livro... Estou abestalhada aqui.
    Amei!

    Bjks

    ResponderExcluir
  7. Oi, Marcos!!
    Que legal essa estória, adorei a resenha e a edição está belíssima! Sem dúvida quero muito ler essa estória!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  8. Eu quero muito ler esse livro! Adoro filmes de animação e o filme Coraline é um dos meus preferidos, simplesmente amo a história!
    Quero ver essas ilustrações que tem no livro e quero ler algo do Neil, ainda não li nada dele.

    ResponderExcluir
  9. Olá Marcos,
    Esse livro é maravilhoso,um dos primeiros que li na adolescência e sou apaixonada até hoje. Tanto pelo livro como pelo filme.
    O projeto gráfico ficou realmente incrível, e prende completamente a atenção.
    Parabéns pela resenha.

    Beijos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Esse foi meu primeiro contato com o autor e gostei muito!
    Coraline é muito esperta e o mundo que o autor criou é muito cativante e assustador ao mesmo tempo hahahaha
    Gostei bastante da adaptação também.
    Não tenho medo mas entendo quem tem! hahaha
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Bem, conheço apenas a versão do cinema, que aliás, amei! Apesar de achar que o filme em si, deixem as crianças ainda mais perdidas..rs Não considero que seja um filme infantil. Já que as "lições" são profundas demais, mas o enredo e o cenário são lindos, obscuros e fantásticos!
    O livro ainda não tive a oportunidade de ler, mas quero muito fazer isso em breve.
    As ilustrações são maravilhosas!
    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Marcos!
    Não tive oportunidade de ler o livro ainda, mas já assisti o filme pelo menos umas três vezes e pelo que vi, é bem fiel ao livro.
    Acredito que mesmo sendo um livro infanto juvenil, ele extrapola o entendimento para adultos, porque o assunto envolve família, relacionamentos, etc...
    Bom final de semana!
    “Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada.” (Immanuel Kant)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Sou muito fã do Gaiman e, infelizmente, ainda não li Coraline, mas pretendo fazer isso assim que tiver a oportunidade. Amo como ele consegue explorar nossos medos mais infantis e nos transportar pra esse mundo pelos olhos da criança. Adorei a resenha, realmente o livro parece lindo com as ilustrações internas, mas a capa não é a minha edição favorita.

    ResponderExcluir
  14. Assisti o filme e gostei, quanto ao livro pretendo ler, passa reflexões e ensinamentos em relação ao que queremos e nem tudo é o que parece ser, esse outro mundo parece ser um sonho tudo muito bom, mas as aparências enganam.

    ResponderExcluir
  15. Quando era mais nova assisti o filme e fiquei um pouco assustada, mas havia amado o filme, e hj é um dos meus favoritos em animação. Ano retrasado li o livro e gostei muito, acho que é até melhor que o filme, lembrando que o livro e o filme são bem parecidos, apenas algumas coisas mudaram.
    P.S. É o primeiro livro de terror que leio, e provavelmente será um dos únicos kkkk

    ResponderExcluir
  16. Que edição lindaa !!! Eu nunca assisti o filme por completo só lembro do começo, mas o livro parece ser muito bom !! Os temas abordados e a intertextualidade entre ela e a Alice é bem plausível hahaha, é bom que coraline viu que nem tudo são flores e sempre tem algum desafio que temos q enfrentar, confesso que eu tinha um pouco de medo do filme, mas nada q possa ser superado pelo livro hahaha

    ResponderExcluir
  17. Sempre leio diversos comentários positivos referentes aos livros de Neil Gaiman, lendo sua resenha achei bem diferente este livro, mas simplesmente fiquei muito curiosa para conferir esta história, realmente apesar de ser um livro infantil é uma obra para todos os públicos e realmente parece que o autor constrói cenários e situações e interações entre os personagens, tudo profundo e bem trabalhado, simplesmente fiquei muito ansiosa para ler este livro, adicionei Coraline em minha lista de leituras.

    ResponderExcluir

© Desbravador de Mundos - Todos os direitos reservados.
Criado por: Marcos de Sousa.
Layout por Fernanda Goulart.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo