17/03/2017

Resenha: Infinita Highway

Título: Infinita Highway
Autor: Alexandre Lucchese
Editora: Belas Letras
ISBN: 9788581742915
Ano: 2016
Páginas: 328
Compre: Aqui

Sinopse:

Era pra ter durado uma noite só. Era pra ter sido somente uma banda de abertura. Era pra ter outro nome. Não era pra ser um trio. Eram várias variáveis. Graças a essa sucessão de fatos estranhos, quando não ter plano é o melhor plano, nasceu uma das maiores bandas do rock brasileiro: Engenheiros do Hawaii. Uma história cheia de lances improváveis que o jornalista Alexandre Lucchese conta nesta biografia, depois de ter entrevistado mais de uma centena de pessoas ligadas à banda, inclusive Humberto Gessinger, Carlos Maltz e Augusto Licks, o trio responsável pela fase de maior sucesso, que acabou se desfazendo anos mais tarde em meio a brigas e processos judiciais. Embarque na infinita highway para ver como nada do que foi planejado para a viagem deu certo, mas, nesse caso, ter dado tudo errado não poderia ter sido o mais certo.

Resenha:

Não era para ser uma banda, mas acabou sendo. Era para acabar logo, mas acabou durando. Não era para dar certo, mas perpassou gerações. Esse é o resumo sobre Engenheiros do Hawaii, uma das maiores bandas de rock que o Brasil conheceu. O estilo poético, meio debochado, e altamente crítico marcou gerações. A biografia da banda chegou tarde, mas chegou. Já não era sem tempo. Conhecer os bastidores desse grupo era um desejo de todos os fãs.

Alexandre Lucchese, através de estudos bem fundamentados e com uma pesquisa extensa, conta um pouco mais sobre a formação da banda e sobre cada um dos integrantes. Mostra como foi a primeira subida ao palco da banda original, formada por Humberto Gessinger, Carlos Maltz, Marcelo Pitz e Carlos Stein. Não deixa de mencionar todas as brigas, divisões, saídas; o mais importante: faz isso de forma bem impessoal, deixando de lado partidarismos; isso é essencial para que a biografia seja encarada como um trabalho sério.


A obra também passa pela parte pessoal de cada integrante, falando um pouco mais sobre cada um deles, como foi a infância e a vida. Isso é essencial para o desenvolvimento do livro, pois permite ao leitor ter uma maior proximidade com músicos. A biografia permite ver os componentes da banda como verdadeiramente são: pessoas que erram, que julgam, que se estressam e possuem seus dias ruins. Essa humanização, retirando cada um deles do lugar de ídolo absoluto, combina perfeitamente com o estilo da banda: onde a naturalidade sempre foi marca característica.

Outro ponto essencial para o bom desenvolvimento da biografia é a excelente escrita do autor. Apesar de trazer uma quantidade incrível de fatos, curiosidades e histórias, Alexandre sabe fazer isso de maneira leve, envolvente e com um tom bem casual. Isso faz com que a leitura da obra seja rápida e prazerosa, bem diferente de um número considerável de biografias que encontramos no mercado.


Para que a carona com os Engenheiros seja completa, a obra ainda traz fotos de momentos marcantes da banda, algumas quase históricas; conferimos cenas do desenvolvimento dos rapazes, fotos do camarim da turnê O Papa é Pop (1990), além de shows memoráveis, como o de 1987, em Fortaleza. Além disso, o livro conta com uma diagramação toda especial, bem trabalhada e que traz um conforto imenso para a leitura. Tudo no melhor padrão que a Belas Letras pode oferecer. 

Em Suma, Infinita Highway, além de ser perfeito e nostálgico para os fãs, pode também ser uma excelente opção para todos que gostam da boa música nacional e de rock. Com um trabalho gráfico excepcional e uma profunda pesquisa, esse livro irá te ganhar.

Outras fotos:








Comentários
10 Comentários

10 comentários:

  1. Amo, amo de paixão o trabalho que a banda não somente fez, como faz. Até porque música é eterna e o legado que eles deixaram, vai sim, ultrapassar gerações!!
    Engenheiros é uma das bandas que mais gosto e faço questão de ouvir todos os dias, as letras sempre com entrelinhas foi algo que me prendeu desde o início.
    E eu preciso urgente deste livro!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Amo as musicas da banda, apesar de nunca de ido a um show mas acompanhava muitas musicas e assim como eu muitos fãs adoravam, não sabia que enfrentavam tantos problemas assim,é claro que como toda banda tem seus altos e baixos eles teriam também, mas eles são bons no que fazem e é uma pena acontecer tudo isso, adorei essa obra e tem fotos muito lindas realmente encanta aqueles fãs que os amam.
    Até mais!!!!

    ResponderExcluir
  3. Nunca gostei dessa banda, mas descobrir que era para ser só uma noite e tal, foi interessante. As bandas que mais duram no tempo são as que foram criadas sem pretensão.

    beijos

    www.mecontanoblog.com

    ResponderExcluir
  4. Bom, achei esse livro lindo! Acho que é o único do autor que ainda não li.

    Adorei! E fiquei morrendo de vontade de ler logo ♥

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Marcos, tudo bem?
    Quando o assunto é música, meu conhecimento é zero. Não sou muito chegada sabe, mas para os fãs, acredito que seja uma leitura excelente.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  6. Marcos!
    fui muito fã dos Engenheiros do Hawai e ver uma biografia bem pesquisada e escrita sobre seus integrantes, com fotos e fatos inéditos, claro que me deixa curiosa para poder ler, ainda mais escrito por jornalista tão renomado.
    “Não confunda jamais conhecimento com sabedoria. Um o ajuda a ganhar a vida; o outro a construir uma vida.” (Sandra Carey)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Marcos. Tudo?
    Eu não costumo ler biografias, então esse é um livro que já não estaria naturalmente na minha lista. E pouco conheço a banda, não é exatamente o estilo que ouço. Mas acho que para os fãs, é uma obra muito bacana, levando em conta todos os elogios.
    Um beijão
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Marcos!!
    Não tenho costume de ler biografias mais adorei esse livro!! Adoro a banda Engenheiros do Hawaii e achei o livro muito bonito!! Amei muito a indicação!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  9. Biografia não está no rol dos meus gêneros preferidos, entretanto, essa eu leria com um prazer indescritível. Os Engenheiros marcaram minha juventude de uma maneira única. Nunca esquecerei o show deles que fui.
    A edição também está preciosa. Belasletras caprichou bastante.

    ResponderExcluir
  10. Gosto muito das músicas da banda, tenho várias na minha playlist, mas não conheço tanto a história da banda, gostei da indicação e de saber que é uma leitura prazerosa, isso é ótimo, até porque não sou tão fã assim de biografias. Ótima resenha.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir

© Desbravador de Mundos - Todos os direitos reservados.
Criado por: Marcos de Sousa.
Layout por Fernanda Goulart.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo